PROJETOS

Projeto LIFE Lince | Abutre

Link: http://habitatlinceabutre.lpn.pt;

U.A.: 2016-11-28

 

Recuperação da distribuição histórica do Lince ibérico (Lynx pardinus) em Espanha e Portugal. (LIFE10NAT/ES/570)

Link: Iberlince.eu;

SUMÁRIO EXECUTIVO: O relatório "Censos de coelho-bravo na Serra da Malcata" descreve os resultados obtidos durante os censos de coelho-bravo na Serra da Malcata efetuados em 2012.

Em 2005, a LPN candidatou-se ao financiamento LIFE-Natureza para reforço da sua actuação no Sítio Moura/Barrancos. Este esforço valeu a aprovação do projecto LIFE Lince Moura/Barrancos que se iniciou em Outubro de 2006 e que teve como principais objectivos:

Projeto que decorreu entre 2004 e 2006, com um orçamento total de 3.428.980 euros, comparticipados pelo FEDER a 75%.

Foram efectuadas várias acções que visaram a conservação do lince-ibérico e abutre-preto, através de medidas de recuperação de habitats e presas.”

Portugal é parceiro do programa ibérico de reprodução em cativeiro do lince ibérico, tem participado ativamente nas ações desenvolvidas de reprodução em cativeiro, e tem assento no Comité de Cria em Cativeiro do Lince Ibérico (CCCLI), cuja atual coordenação está atribuída a Portugal. Compete ao CCCLI impulsionar o Programa Ibérico de Conservação ex-situ para o lince-ibérico, garantindo um programa coerente e unificado. O Comité é constituído por uma direção executiva única e dispõe da assessoria de um Comité de Cria multidisciplinar, concebido de acordo com o modelo dos programas europeus de reprodução em cativeiro de espécies ameaçadas (EEP — European Endangered Species Programme).

A informação disponível indica que a principal causa de mortalidade tem origem na atividade humana, incidindo ou de forma involuntária, como os atropelamentos, ou de forma intencional, mesmo que actuando por via indirecta, como sejam o uso de técnicas ilegais de controlo de predadores, uso de venenos ou, por via direta, o abate ilegal.

A temporada de reprodução de 2014, decorrente do programa de conservação ex situ do lince ibérico, conta actualmente a nível ibérico, uma vez finalizados todos os partos, com 24 crias viáveis (10 machos e 14 fêmeas) as quais estão a ser cuidadas normalmente pelas suas progenitoras, não se encontrando nenhum exemplar a ser criado artificialmente pelos técnicos dos centros de cria.

No início desta temporada de reprodução, foram emparelhadas um total de 18 fêmeas, esperando-se obter entre 14 e 32 crias. Todas as fêmeas que se emparelharam copularam, resultando 17 delas gestantes, duas das quais abortaram.

(INAlentejo, Aviso n.º 3/AVQA, 18 de abril de 2009)

1. Objetivos

A presente candidatura visou contribuir para a recuperação e conservação de habitats, bem como das populações-presa, através da implementação de uma estratégia participada, assente na realização de ações demonstrativas de gestão de habitat. A presente operação integra-se e contribui para os objectivos do Programa Operacional: consiste numa operação de conservação da natureza e promoção da biodiversidade, que tem como horizonte a meta de 2010, no que diz respeito ao objetivo de contenção de perda da biodiversidade, procurando repor os níveis de biodiversidade, de modo a constituir suporte para uma espécie “Criticamente em perigo de extinção” - o lince ibérico.